Coloração

Dicas para Mudar a cor dos Cabelos com Segurança

Written by joliviere

Dicas para acertar na escolha do tom e nos produtos:

Loiros, ruivos, castanhos… Cabelos com nuances quentes e intensas estão em alta nesta estação. A seguir, as principais tendências, as novas técnicas e orientações valiosas para você escolher a cor que sempre quis, além de ma seleção de produtos que ajudam a manter o brilho e a saúde dos fios ( principalmente no inverno ) !
CASTANHOS
O mais versátil dos tons de cabelo ganha agora um toque dourado. Chocolate, cacau e café fazem um contraste bonito com vários tipos de pele. Para variar o visual monocromático, mechas carameladas são bons complementos. ( Como o cabelo é escuro, os pontos de luz são importantes para dar leveza e movimento).
LOIROS
Aposte também em mechas em tons de bege e dourado. ( O mix é certeiro para mulheres branquinhas e com fios naturalmente claros ). Outra idéia é usar a raiz escura e o comprimento com pontos de luminosidade. Isso torna a manutenção mais espaçada.
RUIVOS
O ruivo desbotado e levemente alaranjado, também chamado de Strawberry Blonde, é uma boa alternativa para aquecer o visual de mulheres com a pele bem clara. Por outro lado, tons avermelhados e com um leve toque de ameixa combinam – e muito! – com a pele da maioria das brasileiras.
CONFIRA DICAS PARA ADOTAR UM NOVO TOM
1.    MANUTENÇÃO À VISTA
É fundamental ter em mente o tipo de mudança que se quer fazer e o que isso implica no dia a dia. “Platinar um cabelo escuro exige muito mais comprometimento do que apenas mechas”. Para não perder o brilho e a maciez, futuras loiras devem incorporar máscaras nutritivas e tratamentos de salão à rotina. Se você é do tipo que lava os fios todos os dias, fuja dos ruivos, que desbotam mais rapidamente do que as outras nuances.
2.    REFERÊNCIAS QUE AUXILIAM
Separe fotos e looks de celebridades com os tons de cabelo que se aproximam do que você quer e mostre para o seu cabeleireiro. “Ver a imagem vale mais do que mil palavras. Muitas vezes, o que é vermelho para você pode ser chamado de burgundy pelo colorista. Melhor não arriscar”.
3.    MUDE AOS POUCOS
Não é preciso radicalizar para estrear o novo visual. Prefira doses homeopáticas: faça primeiro um corte (se houver necessidade) e, em seguida, altere a cor, clareando ou escurecendo um a dois tons por vez. “Com isso, é possível parar na cor ideal, sem ultrapassá-la”.
4. TESTE ANTES
Fazer o teste em uma mecha escondida – da nuca ou atrás da orelha – garante um resultado mais satisfatório. Além de conferir como o fio reage à química, vale posicionar o cabelo perto das maçãs do rosto e conferir o efeito da cor na pele.
5. E AS SOBRANCELHAS?
Ao colorir o cabelo é preciso pensar também nas sobrancelhas. ( Elas não precisam ser exatamente da tonalidade das mechas, mas devem fazer parte da mesma família monocromática. Às vezes, é preciso “quebrar” a cor – ou seja, clareá-la de um a três tons. Nesse caso, colorações acinzentadas são as melhores indicações. Para loiras, funcionam nuances de mel, marrom claro e avelã. “Ruivas podem aderir ao loiro natural, que dá um toque dourado, sem deixar o arco avermelhado demais ). O ideal é que o procedimento seja feito no salão comum profissional, para não correr o risco de a coloração escorrer para os olhos.
6. EFEITO ANTI-AGE
Como o contraste ressalta linhas e marcas de expressão, o cabelo escuro e monocromático pode dar a impressão de cansaço e fadiga. Assim, mulheres maduras devem clarear de um a dois tons ou fazer mechas suaves, para trazer a luminosidade à expressão.
7. CONHEÇA SEU HISTÓRICO CAPILAR
Antes da transformação, é necessário relatar ao cabeleireiro os possíveis alisamentos e colorações feitos no passado. ( Processos químicos mexem bastante com a estrutura interna do fio e acumulam resíduos no cabelo. Mesmo depois de anos, ainda podem dificultar a ação da tintura ou do descolorante, interferindo no resultado final ).
8. QUESTÃO DE PELE
Independentemente das tendências há tons que sempre funcionam em determinados tipos de pele.

About the author

joliviere

1 Comment

Leave a Comment