Entenda um pouco sobre a estrutura do seu cabelo

18 de fevereiro de 2009 Off Por joliviere

cabelos-tingidos
Para alcançarmos bons resultados em qualquer tratamento é fundamental entendermos a lógica do processo, desvendando segredos importantes como a composição dos fios, dos produtos ou as técnicas disponíveis para tratamento dos cabelos.
Já ouviu ou leu a definição de “cabelo“?
Cabelo é um elemento anexo à pele, definido cientificamente como apêndice tegumentário ou TIGE. O cabelo é formado por três camadas de células queratinizadas:  Cutícula, Cortiça ou Córtex  e Medula.
esquema-cabeloCutícula: é a primeira camada do cabelo, compõe a parte externa da haste, é a parte que tocamos.  Forma  a superfície que protege o cabelo, sendo  composta
por uma camada única de células que se recobre uma a uma de maneira parcial, tal como escamas em peixes.  Aparentemente a cutícula é lisa, porém se
olharmos sua composição miscroscópica poderemos visualizar inúmeras camadas de escamas transparentes  sobrepostas. ” Como as escamas se recobrem
diversas vezes umas às outras, um corte transversal da cutícula da à impressão de uma estrutura de camadas múltiplas de 3 a 10 espessuras. Essas células
cuticulares, muito achatadas (0,5 micrometros) e muito alongadas (45 micrometros) são constituídas de três partes (todas com composição protéica e
constituídas de  ENXOFRE – cistina) :
– A epicutícula
– A exocutícula
– A endocutícula¹”
A cutítula é muito resistente, suporta ação química e física intensa. Sua força é a estrutura do fio. Assim, se houver danos consideráveis à cutícula, o cabelo
aparentará fragilidade e sensibilidade intensa.
Cortiça ou Córtex : é a segunda camada do fio, composta de células alongadas que possuem os pigmentos que colorem os cabelos. Fica sob a camada das
cutículas. É chamada de coração do cabelo.  Esta camada é responsável por atributos importantes do fio, como a força ou solidez do fio e a elasticidade.
Os pigmentos existentes nos cabelos se dividem em:

* Granulosos/granulados  (eumelaninas):  criam os tons enegrecidos ou sombrios. São os pigmentos variantes entre as cores preto e castanho
(vermelho escuro).
* Difusos (faeomelaninas):  criam os tons claros. São os pigmentos que compõem as cores que se encontram entre o ruivo e o louro.
E os cabelos brancos? O surgimento dos fios brancos está diretamente ligado à produção de melanina que não se dá de forma constante e sofre uma
paralisação em determinada altura da vida, produzindo fios branquinhos. Assim, aos 40 ou 50anos começam a surgir os fios brancos em grande quantidade.
Medula: esta é a parte nuclear do fio, nela encontramos células gordurosas,  mais pigmentos e  a  projeção do bulbo capilar.
Os pigmentos dos cabelo são denominados de melanina. O principal componente do fio é a queratina² que compõe todas as matérias córnicas do mundo
animal.
Veja a composição química ou basicidade científica do fio de cabelo:

CARBONO …………………. 50,66%
HIDROGÊNIO ……………. 6,36%
NITROGÊNIO ……………. 17,14% (AZOTO)
OXIGÊNIO ……………….. 20,85%
Para elencar, didaticamente,  os tipos de cabelos que podemos identificar no cotidiano, temos que entender a divisão feita quanto à Estrutura dos Fios e quanto
à Sensibilidade dos Fios.
Quanto à Estrutura, ou seja, quanto à compleição e constituição celular do cabelo, devemos obedecer a seguinte classificação básica:
a. Grossos
b. Médios
c. Finos
Importa termos em mente que a estrutura do fio não é proporcionalmente idêntica à sua força e resistência.
Quanto à Sensibilidade ou porosidade do cabelo devemos atentar para o fato de que a sensibilidade ou porosidade dos fios corresponde ao estado natural dos
mesmos e à sua capacidade de absorver elementos líquidos.
Assim, temos:
a. Cabelos Porosos: são fios que absorvem com mais celeridade. Assim, eles absorvem rapidamente os líquidos e, conseqüentemente, demoram mais à secar. Estes cabelos absorvem muito rapidamente as químicas, colorindo ou descolorindo com mais rapidez.  Geralmente, são cabelos de aspecto ressecado.
b. Cabelos Normais: suas reações encontram-se dentro de uma “normalidade”, pois não se dão lenta ou rapidamente.
c. Cabelos Impermeáveis:  são os fios que demoram à absorver líquidos pois têm suas escamas muito fechadas, assim, secam rapidamente.  Geralmente, têm aspecto fino e oleoso.